Estou de Volta e o Momento Requer Cuidados!

Estive afastado do blog por um tempo, mas estou de volta. Desde o último post publicado no final de junho, muita coisa ocorreu no mercado. O topo histórico do principal índice da nossa bolsa foi atingido em 106 mil pontos em julho para depois corrigir abaixo de 100 mil. O cenário já esteve melhor para a renda variável. Mesmo os juros tendo sido cortados pelo Banco Central e alcançado a mínima histórica, riscos externos fizeram todas as bolsas mundiais corrigirem, e a nossa não foi diferente. Vários ativos atingiram máximas históricas e deram oportunidade de realizar lucro. Como exemplo, podemos citar a KROT3, o BIDI4, a MGLU3 e muitos…

Continuar Lendo »

Ibovespa em Recorde Histórico e Novo Ativo na Carteira

Na semana passada o principal índice da B3 ultrapassou os 102 mil pontos. Bateu o recorde anterior e já atinge a maior pontuação de sua história. Tudo isso em função da conjunção de alguns fatores que iremos falar aqui. O primeiro e mais importante foi o cenário internacional sem surpresas, com possibilidade de incentivos e afrouxamento quantitativo (QE) por parte da Europa e possível queda de juros nos Estados Unidos. A guerra comercial entre China e EUA, embora não tenha sido solucionada, mostra o mercado já considerando isso precificado e não parece se agravar além do que já foi. Há algo novo em relação à tensão entre EUA e Irã, com co…

Continuar Lendo »

Para onde irá a CIELO?

No artigo " A CIELO sob Forte Concorrência ", publicado aqui no blog em abril/2019, mencionei que os fundamentos para a CIELO, principalmente no médio prazo haviam mudado para pior. A forte concorrência comprometeria as margens e também o lucro da CIELO em 2019. Depois da divulgação do artigo, outras notícias negativas vieram a público: a empresa anunciou a descontinuidade do Guidance e a diminuição dos proventos para 2019. O Guidance são as perspectivas da empresa para as suas atividades em um determinado período. Ao descontinuar o guindance, a empresa reconhece que não atingirá as metas pré-estabelecidas de faturamento, lucro,…

Continuar Lendo »

Os Ciclos da Economia

A Economia de um país tem seus ciclos naturais de expansão e contração. Esses ciclos são provocados por condições internas e externas do mercado e outras variáveis macroeconômicas. Os governos têm seus instrumentos para influenciar nesses ciclos, sendo o mais importante a taxa de juros. Quando a economia demonstra aquecimento, com reflexos na inflação, o governo, representado pelo Banco Central, sobe a taxa de juros, tornando o custo do dinheiro mais alto e esfriando a atividade econômica. O contrário também é verdade: quando a economia cresce pouco ou até decresce, a queda da taxa de juros serve como estímulo para facilitar o crédito, ba…

Continuar Lendo »

A Crise Pode se Agravar

No artigo " Não Haverá Recuperação sem Estímulos ", escrevi que não sairíamos dessa crise sem alguma forma de incentivo e facilitação para desatravancar a paralisia no consumo e nas vendas de uma forma geral. No citado artigo, sugeri que esses estímulos poderiam vir da liberação do FGTS, do PIS e até do FAT. No caso do FGTS, a ideia era que o trabalhador poderia ter acesso ao seu saldo, mesmo aquele das contas ativas. O Governo Temer havia liberado o saque para as contas inativas. Notícia recente divulgada no Portal G1, informa que o governo estuda liberar o FGTS e o PIS, visando estimular a economia. A liberação seria de c…

Continuar Lendo »

Chegou a Hora de Realizar Lucro na Wiz

Após o bom resultado do 1º trimestre/2019 e a boa notícia da associação com a Inter Seguros, fatos que mencionei no artigo " Boas Notícias para a Wiz ", o Ibovespa saiu de 95 mil pontos e chegou a perder a linha dos 90 mil, recuperando um pouco nessa segunda-feira. O motivo de tudo isso foi um cenário conturbado pela guerra comercial EUA x China, mas também e principalmente a demonstração de incapacidade desse governo de se articular minimamente no Congresso para tocar as pautas que entende importante. Nem ao menos a aprovação de Medidas Provisórias, que tem quórum mais fácil tem tido sucesso, imagina uma Emenda Constitucional n…

Continuar Lendo »